• Lyra Libero

Assessoria de imprensa e a pandemia da COVID-19

Esse artigo é de autoria da jornalista da Tecla Raquel de Souza**


Em meio à pandemia de um novo vírus que pegou o mundo todo de surpresa nos primeiros meses de 2020, muito se tem discutido sobre posicionamento de marca e novas estratégias de marketing que sejam adequadas ao momento enfrentado. Com certeza é hora de, mais do que nunca, ter sensibilidade e atenção para evitar equívocos e divulgar informações relevantes. A assessoria de imprensa se insere nesse cenário como um mediador entre as marcas e os veículos de comunicação, prezando por produzir e compartilhar conteúdos de qualidade.


Considerando os graves impactos econômicos provocados pela COVID-19, é primordial buscar uma adaptação rápida e ao mesmo tempo assertiva. Preservar a reputação de um negócio no momento de crise envolve se comunicar adequadamente com todos os públicos – colaboradores, clientes e também a imprensa. A forma como as marcas estão se posicionando durante essa crise diz muito sobre elas, e tem sido responsável por promover algumas e prejudicar outras.


Pensar rápido


Pesquisas têm mostrado que o setor de mídia é um dos que experimentou crescimento nesse período, devido à necessidade de estarmos sempre bem informados para enfrentar a pandemia. Por isso, o abastecimento com sugestões de pauta por parte dos assessores torna-se ainda mais importante, com pautas bem elaboradas e necessárias ao momento. É grande também a demanda por fontes especialistas em assuntos que estão em alta, como profissionais ligados à saúde física e mental, cientistas, professores, dentre outros, uma ótima oportunidade para se posicionar levando informações relevantes à sociedade.

Ser transparente com o seu público é a chave para enfrentar esse período.


Comunicar de forma proativa e pensar em ações que informem e colaborem no combate ao vírus sem oportunismo. Com o isolamento social sendo considerado como a melhor forma de prevenção, é indispensável também buscar ferramentas e soluções digitais para continuar comunicando. Mais do que nunca as pessoas procuram marcas e negócios mais humanos, que se preocupam com seus clientes acima de qualquer gráfico ou estratégia de venda. Os cenários mudam rápido, às vezes diariamente, e é papel do assessor de imprensa acompanhar as tendências para entender como posicionar seu cliente de maneira assertiva.

** Raquel de Souza é jornalista assessora de imprensa na Tecla Marketing & Press

© 2019 by T E C L A MKT & PRESS