• Thalia Zortéa

Fim dos Likes: veja um resumão sobre o assunto do momento

Não se fala mais de outra coisa: a era dos likes, finalmente, chegou ao fim! Em abril, o Instagram anunciou que iria ocultar o número de curtidas dos posts na rede social e, desde maio, o teste é aplicado no Canadá. E agora, o que era de se esperar, o temido dia chegou no Brasil. No dia 18 de julho, a empresa realizou as mudanças, tanto para as imagens na linha do tempo quanto para as listadas no perfil do usuário. Dessa forma, somente o dono da conta terá acesso ao número de curtidas nas fotos e as visualizações de vídeos.


Segundo o Instagram, a alteração foi realizada para que comunidade se engaje mais com o conteúdo, sem contar com os inúmeros benefícios para a saúde mental dos envolvidos. Agora fica no ar: esta mudança é realmente uma proposta efetiva em prol da experiência do usuário ou é somente uma estratégia de marketing. O que você acha?




Por enquanto, o que sabemos é que o assunto gerou uma grande polêmica. De fato, o fim das métricas de vaidade acabam de vez com o uso de bots e a compra de seguidores, além de encerrarem com o clima de competição entre os usuários. Entretanto, também encontramos algumas desvantagens:


O que vamos fazer sem o engajamento orgânico?

Com a ocultação das curtidas haverá mais chances das pessoas não curtirem suas fotos e o engajamento orgânico ir para o ralo (mais ainda!). Ou seja, quem garante que essa mudança não está relacionada com uma tendência cada vez maior do Instagram de diminuir o alcance das contas e incentivar o patrocínio de conteúdos?


É exatamente ai que as contas humanizadas ganham força. Por mais que os likes já não bastavam há muito tempo para os perfis comerciais, estas alterações vão exigir que as marcas e os influenciadores, enquanto produtores de conteúdo, se esforcem (cada vez mais) para criar imagens e fotos autênticas, chamativas e relevantes para o seu público.



Será que a busca pelo biscoito vai acabar?

Além disso, não se pode negar que, após as inúmeras alterações seguidas do Instagram, que a vida de muitos influenciadores vai continuar parecendo melhor (afinal, quem não publica a sua melhor foto, seus melhores momentos?). O que eu quero dizer é que o desaparecimento dos likes pode aliviar a sensação de fracasso de usuários, que já estavam desmotivados ou saindo dessa rede social. Parece a desculpa perfeita, não é mesmo?



Parece que o Instagram também sai ganhando com essa...

Outras teorias apontam que, sem estas métricas visíveis aos outros, muitos usuários vão perder o medo de se expor nas redes sociais, tendo um aumento expressivo de publicações. Dessa forma, o Instagram terá mais informações sobre você, suas preferências e o seus gostos, alimentando um banco de dados gigantesco. Nem preciso falar mais nada, né? O resto você sabe!



Quer compartilhar com a gente sua opinião? Nosso inbox está aberto para boas conversas. Continue lendo o nosso blog e até a próxima!

© 2019 by T E C L A MKT & PRESS